sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Para onde Heroes vai?

Após assistir ao episódio "The Eclipse: part 2" fiquei totalmente indignada com vários acontecimentos totalmente sem noção e contraditórios. Para quem não assistiu, segue o aviso de spoiler.

AVISO DE SPOILER

Depois de mais uma vez adimitir que cometeu erros em Heroes, Tim Kring parece ter perdido de vez a noção de como se dirigir uma série. Depois de indas e vindas de personagens, morrendo, ressuscitando, ficando bons, ficando maus, tenho a impressão de que ele está perdendo o caminho de vez.

Pra começo de conversa, ver Sylar bonzinho não fez o maior sentido, mas até foi possível se acostumar com isso, foi algo interessante. Aquele episódio em que Peter vai para o futuro e encontra um Sylar dono-de-casa ilustrou bem um possível futuro para nosso ex-vilão que fizesse sentido a sua ida ao lado do bem. Algumas pessoas reclamaram disso, não gostaram dessa mudança no personagem. Essa nova mudança repentina quando ele tem seus poderes de volta, demonstra o arrependimento da equipe de criação, deixando Sylar mau novamente.

Só que fizeram uma grande confusão desnecessária. Se antes já com seus poderes, Sylar já se mostrava atraído por Elle, porque faria aquilo com ela então? Isso não fez o menor sentido. As palavras de Bennet não traria um efeito tão devastador em tão pouco tempo. E assim perdemos mais um bom personagem.

A trama de Mohinder tem sido desnecessária, esse monstro-que-vai-ser-mas-derrepente-não-de-novo-monstro só foi perda de tempo até agora. Mohinder nunca foi um personagem interessante, quando chegaram perto de fazer isso, acabaram alongando demais seu tempo como"médico-monstro" e sua chatice reina novamente.

E por incrível que parece, Hiro com 10 anos é mais inteligente do que o Hiro adulto. Enquanto o Hiro só veio fazendo besteiras nessa temporada (sem contar o que já fez nas outras) fói só ele regredir a infância que começou a agir certo. O que isso quer dizer afinal? Será que isso terá algum sentido no futuro ou foi pura coincidência?

Os dramas de Claire também estão muito exagerados, desde a primeira temporada ela vem batendo na mesma tecla, com o mesmo discurso. Depois de todo esse tempo era pra algo ter mudado com a líder de torcida.

Peter sem poderes está tão irritante como antes. De fato essa mudança foi feita por arrependimento do próprio Tim Kring, que disse que ao dar tantos poderes ao Peter acabou tornando-o invencível. Mesmo assim eles tentaram fazer Peter cometer alguns erros para provar que todos aqueles poderes não seriam tudo. Mas nesse caminho, acabaram cometendo contradições ao deixar Peter vulnerável, quando ele poderia muito bem se resolver com alguns de seus tantos poderes.

A ida de Claire e Hiro ao passado acaba fazendo tudo isso correr o risco de ser apagado. Se eles alterarem o passado para consertar o futuro, é possível que tudo isso que vimos até agora tenha sido completamente perdido no tempo. Será?

Como eu disse num post anterior, a audiência de Heroes está crescendo nos EUA, ainda não sabemos para onde essa temporada irá seguir, só torço para seja algo satisfatório para todos nós.

Ainda em tempo, Brian Fuller está realmente de volta a Heroes. Ele começará a trabalhar no episódio 20 desta temporada. É a melhor notícia sobre a série que temos até o momento.

14 comentários:

  1. Os caras perderam o sentido de Heroes há muito muito, mas eu continuo acompanhando por pura teimosia - ou talvez tomando aulas do que NÃO deve ser feito numa estória, hehe.

    Pra início de conversa, um volume que atende pelo nome de "Villains" deveria mostrar vilões da pior espécie, se unindo ou não para causar o verdadeiro caos. Pelo menos na minha opinião; contudo, desde o início o que vemos são criminosos desinteressantes com poderes que não lhes fazem jus. Os fugitivos do Nível 5 deveriam ter causado o verdadeiro terror, conforme Bennet disse a Claire, mas no entanto assaltaram um banco e só - e para atrair o próprio Bennet! Ora, se Knox estava tão sedento de vingança, por que não assassinou HRG durante o blackout no Nível 5? Ele puxou Jesse/Peter para longe, deve ter visto Bennet arrastar Sylar. Furo do roteiro.


    Outra coisa, para quê serviu o Peter do Futuro vindo assassinar o próprio irmão? Se veio do futuro, devia saber que era Arthur Petrelli o responsável por dar poderes a todos. Por que não foi então matar o pai imobilizado no hospital? Por que ao menos não alertou seu eu presente de que o pai estava vivo? Por que não alertou Angela?


    Mais: o que diabos é essa "destruição do mundo" afinal? Não vi nada demais no futuro em que muitos possuem poderes. O que há de tão terrível que obrigasse Peter a voltar no passado para assassinar Nathan? Não mostraram.


    Pra completar, endossar o coro de que o prazo de validade do Mohinder venceu há muito tempo. E da Ali Larter também. E que o Sylar continua sendo personagem raso e sem personalidade, e estão conseguindo piorá-lo. Pra quê abrir a cabeça da Elle depois de já ter o seu poder? Jogaram no vaso - sem apertar a descarga... - todo o esforço (inútil) de tornar Sylar um bom homem. Seria muito mais fácil se fosse ele o líder dos "vilões" sugeridos pelo nome do volume, ou se seguisse como um braço direito de Arthur Petrelli - por seus próprios motivos egoístas e megalomaníacos - sem passar por essa "fase de redenção". Aliás, Sylar ser filho de Arthur e Angela tem soado tão falso que está me parecendo que as palavras de Bennet são verdadeiras - ou seja, uma solução idiota para um fato ainda mais idiota que introduziram na série.


    Bom, precisava desabafar isso com alguém, hehe. Continue o bom trabalho aê no blog, acompanho sempre. Até mais ver.

    ResponderExcluir
  2. Eu sou leitora do blog, mas nunca posto nos coments...dessa fez,sou obrigada a postar. Concordo com td e mais um pouco que a Amanda postou e confesso que assitir a parte II do Eclipse me deixou muito confusa e decepcionada. Nesse momento, nada parece fazer sentido para mim.
    Continuo assistindo para ver no que vai dar, rezando pela volta do bom senso à série.

    ResponderExcluir
  3. Pô, disse tudo sobre Hiro neste post. O cara ficou mais inteligente com menos idade... "pqp"! Sobre Sylar, gostei de ver ele bonzinho, ajudando Peter a fugir do pai, acho que não deveria voltar a ser um assassino.
    Claire sempre foi uma adolescente chata... não me surpreendo com esse draminha bobo e exagerado que ela tem passado.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. É bom saber que não sou só eu que penso assim.

    Kabral,
    Heroes realmente vem se perdendo a muito tempo, mas eu, como muitas outras pessoas, tivemos a paciência de esperar uma melhora sempre tão prometida pelo Sr. Tim Kring. Mas parece que ele apenas piorou mais ainda o que já tinha feito de errado. E Sylar não precisava mesmo abrir o cérebro da Elle, se ele já tinha o poder que "fome" era aquela? Pra mim é fome de comer cérebro...rs. E também concordo que a Ali já deveria ter ido faz tempo.
    Obrigada pelo seu comentário.

    Katia,
    Como disse ao Kabral, eu também sou teimosa e assisto para ver onde vai dar. Espero que a entrada de Brian Fuller melhore mesmo a série.Obrigada pelo seu comentário.


    Vitor,
    Isso foi um dos maiores absurdos até agora, fizeram o Sylar de bobo, pra mim ele teria que ter morrido no final da primeira temporada, não era esse o objetivo afinal? Se fosse pra deixar ele vivo, que fosse pra algo mais útil.
    Obrigada a você também pelo comentário.

    Abs a todos!

    ResponderExcluir
  5. Que nada, estamos aí. :)



    Só pra completar, devia ter sido assim: Sylar e Peter deveriam ter tido "A Luta" no episódio 1x23 - que não seria duplo, como se disse em spoilers passados? - e os dois morreriam - Sylar morreria pelas mãos do Hiro mesmo, depois de vencer Peter, e este morreria na explosão e pronto. Assim eliminaria as duas anomalias da série - acumular poderes alheios é overpower DEMAIS. Até nas histórias em quadrinhos esses personagens super-poderosos, quando aparecem, são para histórias curtas, sagas, mas jamais permanecem no elenco principal pra sempre. Pois afinal, eles desiquilibram, e servem só pra isso: como fatores de desiquilíbrio e conflito para que uma narrativa possa acontecer.

    E deveria ter sido A Luta entre o antagonista e o protagonista principal no fim, como você mesma disse em vários vários posts passados.


    E o segundo volume não tinha de ser "evitar os males do futuro outra vez", sim o adam se vingando da Compania, matando todo mundo. Pura e simplesmente. No fim ele o Hiro deveriam se enfrentar. Daria uma boa luta de espadas, Adam com séculos de treino, Hiro com poderes mais fortes.


    E aí, o terceiro volume poderia voltar com um Arthur Petrelli "anomalia", com os poderes de vários, com uma gangue "decente" de vilões - incluindo o ancião Adam, que morreu de maneira bem estúpida. E sem Peter do futuro, já que ele teria morrido mesmo!


    Na verdade, o Kring deveria ter seguido com o plano original de renovar todo o elenco a cada volume, em vez de piorar cada vez mais os que estão aí - especialmente Hiro e Sylar. E ninguém mais agüenta Claire com seu "drama" previsível, chato, insosso, entediante. E ninguém agüenta mais Ali Larter "ressuscitando" na figura de gêmeas tiradas da cartola. Até Nathan Marionete está enchendo o saco. Parkman também poderia ter saído já. Mohinder nem se fala.


    Enfim, estou bem insatisfeito, mas mesmo assim acompanharei este volume até o final, e provavelmente acompanharei o próximo, não adianta...!


    Abraços aí.

    ResponderExcluir
  6. bom,esses dois episódios do eclipse nao tiveram muito sentido pra mim, ja que no final volto de novo os poderes... entao eu tive pensando o porque disso, e cheguei na seguinte conclusão (se tiverem opiniões diferentes, porfavor me postem): talvez os caras viram que tavam fazendo muita confusão com personagens mudando de lado, e viram esse episódio como uma chance de deixar tudo normal, tipo: sylar voltou ao mal!;
    mesmo heroes tando um pouco doido, nao consigo deixar de ver!

    ResponderExcluir
  7. Concordo que o nome do volume "Villains" não faz jus ao que está ocorrendo.

    Os vilões de Heroes são muito bonzinhos.

    Cadê o Knox? tirou férias? rsrs

    O Flint usando aquele esqueiro para ameaçar o Mohinder? Que patético... Se ele queria intimidar usando fogo, deveria usar um maçarico, no mínimo.

    Arthur eliminou o seu braço direito (Maury) de maneira banal. Se ele depois concordou em manter o Matt vivo, porque matou o Maury então? Ele seria muito útil...

    Sylar, Nathan e Hiro nem vou comentar, pois vocês já resumiram bem o que penso.

    Esse volume começou fraco, ficou interessante, depois sem graça de novo.

    Sinto falta da ação e enredo bem elaborado da primeira temporada.

    ResponderExcluir
  8. Acho que o Sylar matou a Elle para saber a historia dos pais dele estarem enganando ele é verdade... apesar de já ter os poderes dela, com a confusão que o Bennet fez na mente dele a "fome" para saber oque a Elle sabia...

    ResponderExcluir
  9. Nem o poder prima de Sylar de "entender como as coisas funcionam", entenderia o que Kring quer fazer com a serie...rsrs

    ResponderExcluir
  10. Rafael10:54 PM

    aah vcs também tão pegando mt pesado em heroes pow:


    - primeiro que sylar ele voltou a ser mau pq ele morreu, pq obviamente ele ficou mt puto com noah e quis se vingar e aí ele percebeu que ele gostava de ser mau aí e antes ele tava na dúvida o que ele era.

    - acho que tim kring quis mostrar que sylar matou elle pq ele estava sendo manipulado pelos pais a seer boom até que ele percebeu que gostava de ser mau então pra mostrar isso pra elle ele matou ela. ficou meio seem noção mas acho que era só uma desculpa pra tirar ela da séérie pq ela já tá cheeia de trab e pá taanto que é por isso que ela num té no elenco.

    - mohinder é pq obviamente essa história de doutor loouco num tava daando certo e muito imitação de homem-aranha. acho que essa história de doutor dooido num deu ceerto e agoora de "doutor que procura cura com medo de morrer e trabalha obrigado em busca de sua amada" e melhoor apesar de ser ainda meio chaato :x

    - sobre hiro, acho que o que tava daando errado é que quando adulto seempre tinha alguém pra atrapalhar ele (como daphne) e ele perdia as esperanças. mas agoora como tem as revistinhas do futuro ele seempre saabe o que tem que fazer e também ele nunca perde as esperanças pq ele num leembra dos erros dele :)

    - e quanto a claire, ela SEMPRE foi dramática, desde o começo da séérie num sei como vcs só perceberam isso agora ¬¬'

    - sobre peter ele num tá mt diferente do noormal não, mas achei boom quando ele teve a "foome" pq ele seempre fooi muito bonzinho e com essa foome ficou do maal (66) peena se fooi :/

    - e claire e hiro essa é a paarte que me dá mais vontade de ver o 12º
    pois vi no video que claire fala com o pai dela
    é amanha uhu \o/

    - quaanto a audiência, acho que aumentou pq mudou a rotina. a hitória do eclipse que ia deixar todo mundo sem poder surpreendeu os americanos e deu vontede de veer.

    - Kabral aí em cima disse que teve um furo na fuga mas acho que eles nem viram HRG pq obviamente eles queriam tá logo loonge dali sem olhar pra trás para garantir que saiu de lá e depois se vingar. concordo que devia ter mais vilões beem malignos mas acho que deixaram eles pra 4ª temp. "Fugitives" e iam falar agoora do troço da Pinehearst. e ei quem disse que peter do futuro sabia que o pai dele estava vivo? o futuro havia mudado. a destruição do mundo vão dizer depois pra causar um mistério pra gente. e sylar só abriu a cabeça de elle para mata-la não pra pegar o cérebro dela.

    - e pq vcs aí tão falando que a Ali Larter deviam sair? ela tá mt booa na minha opnião. mas o que eu goostei mais foi quando ela falou com Arthur, acho que a série precisa de mais personagem nulos, que num são vilões e nem heróis.

    - bill, acho que botaram isso só pra o que eu disse antes: sair da rotina. eles num poderiam tirar os poderes deles se não a série num teria sentido então fez essa pausa de poderes pra ver os heróis indefesos.

    - ei, quem é esse Brian Fuller? o que ele é na série? roterista? :S

    abraços :)

    ResponderExcluir
  11. Nossa, Heroes tem se tornado tão complicado que até pensei sem assistir tudo novamente para ver se me surge algo compreensivel...
    Antes do Peter perder os poderes, ele já tinha passado perto de tanta gente que no mínimo deveria ter todos os poderes do seriado.
    As vezes até pensava, *Poxa, mas ele não pegou aquele poder X, por que não usa? *
    Ta ficando cansativo, demais. Eu acreditava que depois do episódio 8 as coisas iriam melhorar, parecia estar começando a ficar emocionante, mas acabam de destruir de vez... será que salva ainda? To pensando que vai ser ruim até o fim em...
    Claire só por Deus, não aguento mais ela reclamar daquele poder, que isso, a menina não morre, não sente dor... o que mais a criatura quer? -.-

    ResponderExcluir
  12. Descordo de tudo!!!

    ResponderExcluir
  13. Mto bacana todos esses posts (tirando o último)!! Cara, essa séria tem (ou tinha) o pontecial de ser uma das melhores de todos os tempos. Heróis humanos, com dramas e perfis psicológicos complexos. Acho que tudo tem sido uma grande descida ladeira abaixo, e esse último capítulo mostrou bem isso. Também continuo acompanhando porque foi uma série que começou bem demais para ser esquecida... mas se continuarem assim ela vai ser sempre lembrada como a série-que-poderia-ter-sido-muito-melhor!

    ResponderExcluir
  14. Parabéns.
    Boa parte do que foi postado é o que eu realmente achava desde o começo.
    Easymania

    ResponderExcluir

Spams e publicidade indesejada serão apagados. Fique a vontade para fazer observações, críticas, elogios e tirar dúvidas.